Eu participei do Livro Web Design responsivo do @Maujor

Todo mundo que trabalha com criação de sites e projetos web conhece o Maurício Samy Silva, o Maujor. Autor de vários livros como “Construindo sites com CSS e (X)HTML” (que já escrevi sobre por aqui), HTML 5, CSS 3, jQuery entre outros. Respeitado e adorado no mercado web, Maujor é carinhosamente chamado de “Dinossauro do CSS”!

Além de autor de livros, Maujor participa ativamente com excelentes artigos e uma presença marcante em eventos como FrontinBH e BrasilJS, entre outros. Eu mesmo já estive com ele pessoalmente no WordPress Meetup RJ em 2011.

slider
images not found

Mais ou menos em outubro de 2013, o Maujor me ligou e disse que estava escrevendo o seu novo livro, que seria publicado no meio do ano de 2014, e que o tema seria Web Design Responsivo. Achei ótima a ideia, pois o mercado é MEGA carente desse tipo de referência em português e como conheço a qualidade dos seus livros, falei que seria de grande utilidade um livro sobre esse tema.

Continue reading

Análise sobre o novo logotipo do Yahoo!

Finalmente no dia 05 de setembro de 2013 o Yahoo! divulga o seu novo logotipo, depois de uma mega expectativa por conta da ação 30 days of changes que mostrava um opção de logotipo por dia com o objetivo de culminar no lançamento oficial da nova marca após 18 anos.

No Microfonia Web nº 01 eu vou contar um pouco sobre a reação dos designers em geral e fazer uma análise simples e objetiva sobre essa criação. Segue o vídeo!

E vocês, o que acharam? Tosco, sofisticado, mais do mesmo, requintado?
Quero ler a opinião de vocês aí nos comentários!

Alguns links bacanas para completar a sua opinião:

Mercado WordPress, episódio 01 – Case Imóvel RJ

No episódio de hoje, Felipe Pavão e eu convidamos o amigo em comum Cayo Medeiros, mais conhecido como Yogodoshi, para falar do projeto Imóvel RJ, que é um MEGA case de sucesso e gerou grandes resultados financeiros para o seu cliente.

Nesse episódio nós vamos contar todas as experiências de criação, desenvolvimento, e como o WordPress foi customizado ainda mais. É só clicar no “play” e não se esqueçam de comentar lá no SoundCloud qualquer menção, crítica ou “canelada”.

[Polêmica] Porquê eu não meu preocupo com @sobrinhoweb

Sempre citado nas “rodinhas” de discussões entre os profissionais web, o “sobrinho” é de longe o cara mais odiado da Internet! Sinônimo do antiprofissional, esse cara, que em geral é parente do dono de alguma empresa, faz sites horrorosos cheio de firulas, carregado de cores não complementares e abusa das fontes e texturas da moda! Ele é o verdadeiro câncer do mercado web, certo?!

ERRADO!

Prazer! Eu sou o @sobrinhoweb e faço sites por R$ 200,00

Para mim o “sobrinho” cumpre um papel de uma demanda que existe e sempre vai existir, independente de quanto o mercado seja profissional. Claro que você já deve estar entendendo o foco desse artigo. Sim, eu estou dando mais uma “espetada” na polêmica gerada por causa da “Tabela referencial de preços para serviços freelancers em design“.

Na quarta-feira passada (24/04/2013) saiu uma edição especial do FalaFreela sobre o tema, onde Mauro, Carol e eu conversamos com Rafael Ancara do (ótimo!) Anticast e do criador da tabela, Diego Motta da FanPage Design&Chimarrão.

O Diego contou sobre a ideia e concepção da tabela e ainda sim os Xiitas de plantão desceram o cacete na pauta, e inclusive tentaram descredibilizar o programa dizendo que baixamos o nível e que tentamos nos promover “capitalizando a pauta”.

Apesar do trio deixar bem claro que entendem que a tabela não é a ÚNICA forma de precificação nacional, sabemos da importância que ela tem junto aos mais inexperientes. Existem inúmeras variáveis que fica IMPOSSÍVEL documentar tudo num único PDF todos os preços praticados no Brasil. Como bem disseram (não lembro aonde!), “que bom que a tabela gerou essa polêmica toda, porque nunca se discutiu tanto o design no mercado como agora“. Eu concordo nesse ponto e que quero trazer outras opiniões que eu tenho sobre esse assunto.

Continue reading

Minha família não sabe no que eu trabalho!

Na última sexta-feira, o meu amigo Guga Alves me enviou um link no Facebook do site Arquitetura de Informação escrito pelo Fabrício Teixeira que transcreveu a apresentação do Gustavo Moura (Google Brasil) no evento IxDA South America que rolou em 2011. O artigo possui a vídeo apresentação com os 10 princípios de UX (User experience – ou em português “Experiência do Usuário”) do Google.

É bacana ver a estratégia deles no desenvolvimento de produtos e isso me fez refletir que, mesmo nós, freelancers e pequenas agências ou equipes, podemos trabalhar criando soluções simples e focadas 100% no seu público e sempre buscando feedbacks. O resultado invariavelmente será o sucesso.

Antes de ouvir falar sobre UX, eu sempre achei que isso era algo para empresa e projetos grandes. Pensava que bastava eu fazer o projeto seguindo a minha ética própria que estava tudo certo. ERRADO! Mesmo os projetos mais simples é preciso levar em consideração o seu público e a utilidade do projeto em suas vidas.

Ao mesmo tempo, o vídeo me lembrou um pouco algumas conversas com a minha família sobre a minha profissão e como é difícil explicar para eles e para o meu cliente o que eu realmente faço para viver. Enquanto o Gustavo fazia a sua apresentação, alguns itens geravam ‘insights’ tão claro do meu cotidiano que não pude evitar escrever esse artigo para tentar esclarecer os meus clientes e principalmente para a minha família, que eu não fico sentado em frente o computador o dia inteiro sem fazer nada! Continue reading