Queremos um Black Friday moleque, não um Black Fraude!

Não sou contra importarmos uma cultura que não é nossa, com o objetivo de incrementar o nosso mercado. Não, muito pelo contrário, sou até à favor. Mas tem que ser bem feito. esse papo de enfiar pela goela abaixo do consumidor o hábito de comprar não é legal. E pior, boa parte das empresas não usam de ética na hora de criar essas ações. A cada ano que peça fica mais e mais visível o que chamamos de “Black Fraude, tudo pela metade do dobro”!

No Microfonia Web de hoje, eu faço uma análise do Black Friday, evento comercial importado do mercado americano, que faz a queima de estoque das lojas com grandes descontos provocando uma enorme correria entre os consumidores.

E vocês, o que acham dessa ação no Brasil? Acham que o comércio está respeitando realmente o consumidor, ou está apenas aproveitando uma ação consolidada num cenário externo e burlando internamente? Conta pra mim deixando a sua opinião nos comentários.

Alguns links bacanas para completar a sua opinião:

Leave a Comment.